Brasileirão Série A – Rodada 17 de 38

CAM  Atlético-MG 1 × 2 Flamengo FLA

Paulinho | Arrascaeta, Wesley

Atlético faz bom primeiro tempo, mas desliga na etapa final e perde para o Flamengo

Equipe sofre virada em poucos minutos e agora soma nove jogos sem vencer, sendo oito no Brasileirão.

Gols Atlético 1 x 2 Flamengo – Rodada 17 – Brasileirão 2023

O Atlético segue sem vencer sob o comando de Felipão e acumula nove jogos sem vitórias, sendo oito pelo Brasileirão. Neste sábado, no Independência, perdeu de virada para o Flamengo por 2 a 1. 

Com um bom primeiro tempo, o Galo abriu o placar com Paulinho após contra-ataque puxado por Saravia. Mas na etapa final, o Galo pecou nas finalizações, com duas bolas na trave, e ainda viu o adversário empatar, aos 34 minutos, com Arrascaeta, e virar sete minutos mais tarde, com Wesley.

Classificação

Com a derrota, o Atlético permanece com 21 pontos conquistados no Brasileiro, podendo perder posição até o encerramento da rodada (13º), e chega a oito jogos sem vitórias. 

Agenda do Galo

Antes de voltar a atuar pelo campeonato nacional, o Atlético tem uma dura missão pela Libertadores. Na quarta-feira (02.ago), 21h30, faz o primeiro duelo das oitavas diante do Palmeiras, no Mineirão.

Pelo Brasileiro, o Galo entra em campo no próximo domingo (6.ago), às 16h, contra o São Paulo no Morumbi.

Hulk em partida do Atlético contra o Flamengo
Foto: Pedro Souza/Atlético

O jogo

Felipão aproveitou as voltas de Arana (estava suspenso) e Zaracho (lesão) para montar a equipe titular, que foi escalada com Everson; Saravia, Jemerson, Igor Rabello e Guilherme Arana; Battaglia, Otávio e Zaracho; Pavón, Hulk e Paulinho.

Eduardo Vargas não foi relacionado para o jogo. Segundo o Atlético, o atacante sentiu dores no joelho durante a semana. No banco de reservas, Felipão contou com Matheus Mendes, Mariano, Rubens, Réver, Maurício Lemos, Edenilson, Franco, Igor Gomes, Pedrinho, Alisson, Patrick e Alan Kardec.

1º tempo

Com Paulinho (esquerda) e Pavón (direita) invertidos no ataque, o Galo começou a partida pressionando, mas a primeira chance foi do adversário, aos 3 minutos, em cobrança de falta, mas que terminou para fora. O Galo teve boa oportunidade em contra-ataque aos 10’, com Arana, Hulk e Paulinho.

Aos 15’, Hulk cobrou falta na trave direita. No rebote, Jemerson mandou para fora. O jogo seguiu equilibrado. Aos 32, em contra-ataque veloz, Saraiva encontrou Paulinho livre, que entrou na área adversária e chutou forte no canto, abrindo o placar para o Atlético.

Os donos da casa mantiveram a posse e continuaram a ofensividade, com chances de ampliar o marcador. Primeiro tempo encerrado em 1 a 0.

2º tempo

Na volta do intervalo, Felipão não promoveu mudanças no Galo. Dentro de campo, a equipe manteve a posse e chegou com muito perigo ao menos duas vezes antes dos 20 minutos, com Pavón e Zaracho. Logo depois, Everson fez grande defesa em jogada do adversário.

Aos 25 minutos, Mariano entrou no lugar de Saraiva que estava amarelado. Na sequência, Battaglia deu lugar a Alan Franco.

O time visitante empatou aos 34’ com Arrascaeta a partir de uma falta próximo a área do Galo. Seis minutos mais tarde, o Galo tomou a virada com Wesley.

Fotos da partida

Ficha do jogo

Atlético 1 x 2 Flamengo
Motivo: 17ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A
Data: 29.jul.2023 – 21h
Local: Arena Independência – Belo Horizonte (MG)

Arbitragem: Flavio Rodrigues de Souza (FIFA) – SP
Assistente 1: Nailton Junior de Sousa Oliveira (FIFA) – CE
Assistente 2: Evandro de Melo Lima – SP
Quarto árbitro: Wanderson Alves de Sousa – MG

Atlético: Everson; Saravia (Mariano), Jemerson, Igor Rabello e Guilherme Arana; Battaglia (Alan Franco), Otávio e Zaracho; Pavón, Hulk e Paulinho. Técnico: Luiz Felipe Scolari (Felipão).

Reservas: Matheus Mendes, Mariano, Rubens, Réver, Maurício Lemos, Edenilson, Franco, Igor Gomes, Pedrinho, Alisson, Patrick e Alan Kardec.

Flamengo: Matheus Cunha; Wesley, Fabrício Bruno, Léo Pereira (Pablo) e Filipe Luís; Allan, Gerson e Victor Hugo (Luiz Araújo); Éverton Ribeiro (Arrascaeta), Bruno Henrique (Everton) e Gabriel. Técnico: Jorge Sampaoli.

Gols: Paulinho, aos 32’ 1T (Atlético); Arrascaeta, aos 34’ 2T, Wesley, aos 41’ 2T (Flamengo).

Cartões amarelo: Saravia, Everson, Pavón (Atlético); Matheus Cunha, Filipe Luís, Léo Pereira, Arrascaeta, Gabigol (Flamengo)

Público: 22.441 pessoas

Renda: R$ 1.004.752,95

➝ Tópicos em destaque:
Comentários da Massa
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *